terça-feira, 30 de junho de 2015

Balanço Patrimonial de junho de 2015.

                                  Mestre dos dividendos ataca novamente.                      
Resumo da posição TD
                                                                          
 LFT X IPCA
Lucro Real TD
 
FII Posições Consolidadas
                                           Rentabilidade FII e Tesouro Direto
                                             Carteira Consolidada
                                                                       

                                     Rentabilidade Geral pelos sistema de Cotas
                                                                                 

                         Sábado postarei o resumo dos proventos no mês de junho!
                                                Grato Mestre dos Dividendos.

segunda-feira, 29 de junho de 2015

Rapidinha do "Morpheus" e a Matrix Financeira.

Morpheu diz: "Você precisa entender que a maior parte dessas pessoas não está pronta para acordar. E muitos estão tão inertes, tão dependentes do sistema, que vão lutar para protegê-lo." - The Matrix


 

domingo, 28 de junho de 2015

Como montar uma carteira de dividendos.

                                      Montando uma carteira de Dividendos.

  Primeiramente devemos levar em conta  dois fatores para uma carteira sustentável de dividendos.

     Primeiro Fator : Nem sempre empresas que distribuem dividendos acima de 10% devem ser consideradas boas opções, um fator chave para determinar o  sucesso em uma carteira de dividendos sempre será a constância que os dividendos são distribuídos, este fator esta estruturado em uma série de outros indicadores fundamentalista.
      Neste primeiro momento podemos tirar por conclusão que não devemos tratar  dividendo yield isoladamente e sim aliar uma série de indicadores fundamentalista  para balizar nossa decisão.
     Os dividendos precisão ser sustentáveis a longo prazo, caso contrario pouco importa ter um yield elevado no primeiro ano já que ele não se sustentara por muito tempo.
 
 Segundo fator : Se foque no valor dos ativos que esta adquirindo  mesclando empresas de crescimento com empresa de dividendos, Para longo prazo é preciso ter algumas empresas de crescimento em sua carteira de dividendos, mesmo que estes dividendos distribuídos no primeiro momento sejam muito abaixo das  expectativa do mercado.
  OBS:Mantenha um percentual elevado de sua carteira em empresas com fundamentos sólidos e que distribuem dividendos constantes e sustentáveis ao longo do tempo, porem tenha um percentual médio em empresas de crescimento. Ex: 70% da carteira em empresas que distribuem dividendos e 30% em empresas de crescimento, sempre que uma empresa de dividendos estiver com dificuldades  coloque em quarentena e aporte nas empresas de crescimento.

        Rebalanceamento dever se prioridade nessa carteira, sempre que uma empresa estiver com dificuldades é preciso fazer rebalanceamentos de novos aportes!

    Agora vou explicar o racional por trás desta estratégia: O aspecto visível é que  empresas do setor elétrico são responsáveis pelos maiores dividendos em bolsa de valores e uma carteira de dividendos é bastante dependente do setor elétrico.

  Agora vamos aos fatos consumados, não é a primeira e nem será a ultima vez  que nosso governo vai intervir nas elétricas ferrando nosso amados dividendos, devido a isto é preciso aliar empresas de crescimento sólidas em nossa carteira , para que não fiquemos dependentes de um setor complexo como o elétrico.
   
 E novamente uma velha máxima do mundo dos investimentos se faz presente : Só a diversificação salva!!

     Agora que você já sabe que precisa mesclar empresas de dividendos com empresas de crescimento, podemos seguir adiante no grosso deste racional.

   Os dividendos são descontados do preço da ação, não se engane não existe almoço grátis!!
Para  que sua carteira  seja prospera é  preciso  reaplicar 100% dos dividendos em uma fase inicial , caso contrario sua carteira quase sempre ira regredir em valor.


                                                           Investindo em FII

Minha carteira de dividendos esta inicialmente 100% alocada nesta categoria , devemos considerar que diferente das ações o efeito da regressão da cotação não se aplica aos FII já que os proventos são provenientes do aluguel.

  Contras : Geralmente em FII temos dois fatores que podem diminuir os proventos distribuídos ao cotistas.

  Reformas no imóveis do fundo e taxa  vacância física no imóvel, novamente temos uma indicação evidente  do racional em alocação inteligente.

   Sempre que a vacância aumentar em algum FII em sua carteira  coloque este respectivo  FII em quarentena e aloque novos aporte para outros FII em sua carteira  de preferência com DY alto e taxa de vacância baixa.

        OBS: Se o mercado esta pagando um DY alto em algum FII, das duas a uma o preço deste respectivo FII esta muito descontando em relação ao valor do imóvel, ou aluguel pago pela empresa que ocupa o FII é respectivamente elevado.

             Observe o racional deste pensamento!!  Se o FII esta muito descontando em relação ao seu VP inicialmente:  é porque o  mercado enxerga risco naquele FII, não se engane novamente, pois não existe almoço grátis!! "Regra de ouro" de preferência FII com dy médios e pagamentos constante a DY elevados e risco elevados.

 Obs: Você pode fazer algumas apostas em FII perigosos , porem em fase inicial e com pouco capital, aconselharia  dar preferência para dy médio e segurança  a DY elevado e  risco elevado.

Quando você avançar em sua carteira você pode fazer algumas alterações em  sua estratégia inicial.

 OBS: Apenas se conhece o imóvel do FII e confia na governança!! comprando mais cotas quando houver anuncio no aumento na taxa de vacância, porem não é aconselhável usar tal tática para carteira iniciantes e de baixo valor.

   O segredo dos dividendos inicialmente esta na reaplicação dos valores, aumentando exponencialmente o valor de sua carteira, este deve ser o foco em uma carteira inicialmente! reaplicar  dividendos para comprar mais cotas ou mais ações aumentando significativamente o numero de dividendos a receber.

  A pergunta do iniciante geralmente é : quando vou poder usufruir dos proventos ?
Quando sua carteira atingir um tamanho aceitável e o poder do dinheiro novo ou como preferir "aporte novo" representar cada vez menos em um  % gradativo de diminuição em relação aos proventos recebidos.

EX: Chegara um ponto que você aporta 2 mil e recebe 3 ou 4 mil de dividendos mensalmente , neste momento você tem duas opções continuar aportando e retirar um % dos dividendos ao final do ano ou deixar de aportar, apenas reaplicando  dividendos  usando todo dinheiro do aporte mensal para melhorar seu padrão de consumo.

    O fator tempo se faz presente na carteira de dividendos: Uma carteira de dividendos só começa a maturar por volta de 10 anos de aplicações levando em conta um aporte médio e 5 anos para aportes agressivos.
                                                         
                                                       Boa sorte em sua jornada!!
  
  


quarta-feira, 24 de junho de 2015

Fundamentos em FII Parte 2 " Riscos"


                                               
                                                       Risco 1 VP Sobrevalorizado

Agora que explanei sobre como calcular os indicadores fundamentais para se avaliar o potencial de um FII, vou comentar dos riscos comuns em FII.


Valor patrimonial ou VP: Este valor é fruto de uma pesquisa de mercado por intuições independestes e serve para avaliar valor patrimonial ou "Preço dos imóveis do fundo".

O que é levado em conta para o calculo do VP : Calculo do metro quadrado aonde se situa o imóvel, fluxo de caixa ou receita que o imóvel pode gerar, idade do edifício ou galpão,potencial de valorização por oferta e  demanda na área do imóvel e até mesmo matéria prima usada  na construção do edifícios: Quando Classe AAA é considerado prédio de luxo com todas certificações possíveis!

Além desses fatores citados existe outros diversos fatores  que podem entrar ou sair na avaliação do valor patrimonial do respectivo imóvel,  depende muito da empresa que irá avaliar  o imóvel.

Agora que você sabe algumas das principais variáveis para se avaliar imóveis, podemos fazer observações sobre"VP" sobrevalorizado: Digamos que tu compre algumas cotas em um período de alta na economia , este prédio se encontra novo em bom estado e totalmente locado.

Neste cenário qualquer empresa que avaliar o respectivo imóvel levara em conta todos fatores citados acima e com certeza este  VP vai estar sobrevalorizado, valendo mais pela alta procura por locações e pouca idade do imóvel.

Agora digamos que tu compre diversas cotas por observar DY alto e gordo com potencial de valorização enorme " e não olhe outros fatores como contratos de locação metro quadro praticado na área etc.

Isto já  aconteceu na  recente historia dos FII principalmente com aquela galera que entrou nos FII em  2012 quando o VP estava nas alturas e os yields gordos e sobrevalorizados.
 Logo depois deste período de bonança nos FII vem uma queda no mercado imobiliário absurdas devida a falta de crédito e dados economicos ruins.

O VP é avaliado anualmente e alguns outros FII pode ser semestralmente bastando apenas o administrador do fundo contratar uma empresas independente para avaliar todo prédio, no final do respectivo ano este  prédio que você comprou a cota por 500 milhões sofre uma revisional negativa e agora esta cotado em  450 milhões <<< ou seja seu vp foi jogado para lona e você comprou um VP no período de alta.

Você pagou mais por algo que agora vale menos, a crise se instala e contratos são rescindidos com multas leves e neste cenário de retração do  pib  você perde muitos inquilinos!!
 Como você se sentiria em relação a ver seu DY secar lentamente e ainda ver o preço da cota despencar no mercado secundário? Foi exatamente isso que aconteceu no inicio de 2014 depois da febre de 2012 aonde se tinha muito lançamentos de FII sobre avaliados e investidores iniciantes nessa modalidade.

Ex: Pagou 150 por cota hoje com o VP atualizado vale "130"  tinha yield de 1% totalmente locado hoje com poucas pessoas no imóvel tem yield de 0,5% Veja só o potencial de prejuízo que você pode obter com um FII em apenas 1 ano.

Ex: Comprou 100 Cotas sobre avaliadas por 150,00 reais, totalizando 15.000,00 e recebia um yield  por cota de 1% ao mês 1,50 por cota*100  Totalizando 150 por mês de aluguel referente a quantidade de 100 cotas.
 Depois da revisão o VP vai para 130,00 reais  e o yield cai para 0,5% .
Quantidade cotas 100 * VP de 130 = 13.000,00 mil reais
0,5 de yield sobre 130 = 65 centavos
65 centavos por cota * 100 = 65 reais

Comprou por 15.000,00 mil agora tem 13.000,00
Recebia 150 por mês de aluguel e agora recebi 65 reais

Foi o que aconteceu com o pessoal em 2012 na febre dos FII  quem comprou FII Sobre avaliados com  mercado em alta  hoje amargam prejuízos cavalares.

                                                          Riscos 2 "Contratos"


                                               Existe 2 tipos de contrato Típico e Atípico!!
O Típico tem característica mais brandas, contratos de curto período com multas de rescisão leves.

Atípicos contratos de longo prazo com multas rescisório pesadas, geralmente para sair antes do termo estipulado em contrato o inquilino precisara pagar integralmente todo aluguel até o seu vencimento.

Estude cada FII conheça seus inquilinos  os tipos de contratos oferecidos pela administradora e principalmente o vencimento de cada contrato.

                                                        Riscos " Seguradora"


  Imagine que você tem cotas de um FII que pegou fogo, o contrato da seguradora não tem cobertura total , resumo da obra você acaba de perder dinheiro!! já que a cobertura do contrato não cobre em sua totalidade este prédio ou galpão suficientemente para reparar danos ao imóvel.

Imagine todo tempo que administrador perdera para construir outro imóvel e o tempo que tu ficara sem receber aluguel parcialmente ou sem receber vendo o preço da cota cair até o chão com  seu patrimônio virando pó.

Não se iluda isso é comum principalmente em galpões de logística , recentemente um dos FII de minha carteira teve um de seus galpões danificado seriamente , felizmente esse FII só responde por 14% da carteira do fundo.

                                                              Riscos"CRI"

CRI ou Certificados de recebíveis imobiliário,usado por muitos FII principalmente de papel ou mistos.

  Digamos que um FII compra um CRI de um shopping que esta em reforma , ou seja ele comprou uma parte de área da expansão do empreendimento entrou com o dinheiro na seguradora responsável  emitir o CRI dinheiro este que vai ser usado para construção do expansão e depois retornara ao fundo como forma de imóvel em um futuro próximo.

     Acontece que dentro desta modalidade CRI existe muitas pendências jurídicas , exemplo de um CRI que entrou em penhora na carteira de um dos grandes fundos listado em bolsa  "o famoso caso do CRI do shopping goiabeiras"
                    
                     Risco dos CRI Goiabeiras afeta FII administrados pela CSHG


A Credit Suisse Hedging-Griffo CV, administradora dos FII CSHG Real Estate, CSHG Brasil Shopping e CSHG Recebíveis Imobiliários, publicou Fato Relevante para informar sobre a existência de execuções judiciais que poderiam resultar na penhora dos bens e créditos que constituem garantia dos CRI adquiridos pelos fundos e emitidos pela Gaia Securitizadora, lastro no financiamento da expansão do Shopping Goiabeiras. Os Fato Relevantes relatam a decisão de primeira instância proferida em um dos referidos processos, no dia 18 de agosto de 2014, declarando (i) a fraude à execução cometida pela antiga proprietária de imóveis que compõem parte do Shopping Goiabeiras, (ii) a ineficácia das vendas de tais imóveis para a Goiabeiras, atual proprietária do Shopping e devedora dos CRI, com respectiva penhora desses imóveis, e determinando (iii) que os aluguéis referentes aos mencionados imóveis sejam penhorados e depositados em conta judicial. Esses imóveis representam parte do Shopping que, assim como os aluguéis das lojas correspondentes, estão alienados fiduciariamente à securitizadora, para garantia dos CRI. Portanto, a referida decisão judicial pode vir a impactar a garantia e/ou o fluxo de pagamentos dos CRI.  A Credit Suisse Hedging-Griffo, no entanto, informa que, em conjunto com a securitizadora, tomarão todas as medidas cabíveis contra tal decisão, visando a proteção dos interesses dos detentores dos CRI e dos cotistas em relação ao disposto no presente Fato Relevante, em especial, quanto às garantias dos CRI representadas pela alienação fiduciária dos imóveis e dos aluguéis. Os CRI em referência correspondiam a 0,58% do PL do FII CSHG Real Estate, a 11,36% PL do FII CSHG Brasil Shopping, e a 7,56% do PL do FII CSHG Recebíveis Imobiliários, na data de 18 de agosto de 2014.

        Resumo da obra o antigo dono vendeu para administradora um parcela de um imóvel com penhora judicial e os administradores nem se deram conta da pendências jurídicas neste CRI.
 Isso pode acarretar  perda de 11% do patrimônio do fundo afetando diretamente o "VP"

Outros dos grandes fundos em bolsa BBPO11 possui penhoras em sua carteira que foram assumidas diretamente pelo banco do Brasil.

 Duvido que muitos cotistas saibam realmente desse pormenores que temos acesso ao estudar minuciosamente os fundos de nossa carteira.


                                                        Riscos " Governança"

Um dos casos mais polêmicos dos FII de gestão ativa foi o caso da OPA da br Properties do fundo BRCR11!para entender melhor o que ocorreu segue o link do grande IR descrevendo a merda que BTG pretende fazer:
http://investidorderisco.blogspot.com.br/2015/03/opa-br-properties.html


Com todas essas informações espere ter mostrando que FII não são renda fixa e que são investimentos tão arriscados quanto ações.



domingo, 21 de junho de 2015

Fundamentos em FII Parte 1


 No universo financeira é comum recorrer a matemática financeira como parâmetro fundamental para se avaliar desempenho dos ativos financeiros. Nesse post vou  explanar sobre alguns fundamentos importantes no universo dos FII.

  I Cotação : Preço da cota na bolsa de valores representando pelo valor presente.               
  II  VP : Abreviação de Valor Patrimonial por cota
  III P/VP : Cotação / Valor Patrimonial
  IV P/L : Cotação / Rendimento do Mês atual ou se preferir aluguel pago por cota!
  V  Cape Rate  ou "Capacidade de Retorno" : "Aluguel" deduzido de todas taxas administrativas e custos operacionais do imóvel / "VP Exato" soma de todo patrimônio do fundo.
  VI Cape Rate Anual: Cape Rate anualizado = Cape Rate * 12
   VII Yield ou "Rendimento" Dividido em cinco categorias : Yield Anual,Yield Média mensal,Yield Mês atual,Yield Atual e Yield Reaplicado.

    Yield Mês Atual : Aluguel líquido do mês atual distribuído por cota / Cotação

    Yield Média Mensal : Usado para calcular uma média de alugueis distribuídos por cotas ao ano! OBS: "A  distribuição de alugueis  não é fixa é variável" use este indicador para corrigir distorções na distribuição anual calculando uma  média nos alugueis distribuído por cota no respectivo ano . Média de todos rendimentos do ano / Cotação

     Yield Anual Projetado : Yield média mensal  * 12  OBS : Use este indicador para projetar um fluxo de caixa anual , os dados desses fluxos são referente a um aluguel que ainda não foi recebido em sua tonalidade servindo apenas como estimativa anual.

     Yield Anual Consolidado : Soma de todos alugueis distribuídos por cota naquela ano / 12
Use apenas para avaliar o desempenho dos Yield em determinado ano.

 Yield reaplicado : Use esta formula para simular reaplicação de alugueis  pelo fundo, estimando real  capacidade do fundo gerar caixa sobre regime de juros compostos.
    1+ Yield média mensal ^ 12-1

Yield Atual: Soma de todos alugueis distribuídos por cotas até o respectivo mês / cotação atual

Liquidez : Use este indicador para estimar todo volume de negociações  sobre as cotas do respectivo fundo em bolsa de valores, este indicador se encontra no site da BMF bovespa : http://www.bmfbovespa.com.br
"ou no balanço do fundo"
Quanto maior melhor!!

Valor de Mercado : Cotação atual * Quantidade de cotas do fundo
 Use este indicador para estimar qual o desconto real no valor patrimonial do fundo e quanto o fundo esta sendo negociado abaixo deste valor!
OBS: Compare com valor patrimonial exato para estimar um percentual de desconto sobre patrimônio exato.

Lucro líquido: Receita do fundo menos passivos administrativos o que sobra é o aluguel a ser distribuído aos cotistas.

Mono Imóvel ou Multi Imóvel : Usado para delimitar uma quantidade de imóveis na carteira do fundo, quando mono apenas um imóvel e multi vários imóveis.

Tipos de gestão : Ativa quando há normas no prospecto do fundo objetivando venda ou negociões de imóveis,cotas de outros fundo, CRIS, LCIs etc  em resumo o administrador pode negociar o livremente todo patrimônio de acordo com o prospecto do fundo, inclusive vender e comprar imóveis se assim for lucrativo para o fundo.

Passiva : O administrador apenas gerencia o patrimônio do respectivo fundo ! não há  vendas de imóveis , apenas sendo deliberado alguma venda  por encerramento do fundo.

OBS:Essas regras não são claras!!  cabe ao investidor ler todo prospecto e regulamento do fundo, fazendo observações sobre termos da administração, de tal modo que o investidor tenha completa ciência do modelo de negócios apresentado pelo fundo.





Rentabilidade: Como calcular a rentabilidade de um fundo?
O modelo usado pelas administradoras de fundos é o "TIR"  ou Taxa interna de Retorno.

 A Formula matemática para calcular  "TIR" se encontra no Excel!!  Futuramente vou explanar detalhadamente sobre tal formula.

  Setores: Basicamente quando o  fundo faz partes de um segmento especifico como , Lajes corporativas voltadas a escritórios de grandes empresas, Galpões de logística, Shoppings, Comercio ,lojas de rua, Industrial ou Agências bancarias.


 Tipo de fundo : Papel , Fundo de Fundos  ou Tijolo

Papel : Possui apenas papel na composição da carteira  como CRI, LCI etc geralmente papeis lastreado em imóveis reais.

Fundo de Fundo
s : Fundo que possui cotas de diversos fundos negociados em bolsa podendo negociar ou comprar cotas a bel prazer do administrador do fundo.

Tijolo : Fundo lastreado em ativos reais como prédios, galpões ou salas comerciais.


Continuação em Fundamentos em FII Parte 2

quarta-feira, 17 de junho de 2015

Documentario essencial para entender como funciona a "Matrix financeira"

                                                       
                                                         Numero 1
                                                                     
                                               
                                                       Numero 2

                                                  
                                                       Numero 3

                                                   
                                                   Numero 4

                                                       
                                                          Numero 5
                                                                           
                                                   
                                                         Numero 6

domingo, 14 de junho de 2015

Memórias de um "Ex Operário 3 " Redenção "

                                 "Memórias de um Ex Operário" Parte 3


      Como conseguir se diferenciar da "manada" se tudo que tinha feito até então foi seguir um pensamento Irracional se guiando pelos instintos emocionais em detrimento da razão.

     Aos 26 anos estava desempregado e com 0,00 centavos em minha conta,  algo  tinha que mudar em minha  vida, devido a falta de experiência em períodos anteriores tomei decisões desacertadas , mas nunca me baseei em algum fato verídico como espelho da personalidade, apenas acreditei cegamente na lei do esforço sem levar em contras outras variáveis do jogo: E acredito que uma variável importante foi esquecida por muito tempo " Variável Financeira".
                                           
                                                              "A Matrix Financeira"

       O desperta se deu estranhamente em um dia corriqueiro, estava a pensar em variáveis que  havia ignorado e acabei por refletir que havia romantizado muito o esforço em detrimento da razão, comecei então a fazer umas contas de padaria usando minha área de exatas que até aquele momento estava muito evoluída pela prática que obtive ao estudar harmonia.

      O despertar se deu quando focalizei aonde estava e aonde gostaria de estar!! A resposta foi imediata " Dinheiro" Habilidade havia  , porem não havia o essencial "dinheiro".

     O plano havia sido traçado  previamente usando minhas habilidades matemáticas havia precificado que não haveria possibilidade de conseguir grande coisa dada idade atual e circunstância, fiz dúzia de cálculos mentais e cheguei a uma conclusão simples, seria inviável viver como compositor sem dinheiro como fonte de renda abundante.

 Se dedicar há uma área especifica no conhecimento demanda tempo, tempo que não temos quando passamos toda vida em trabalho e apenas manter um padrão baixo de qualidade de vida.

      Naquele momento tomei a pílula vermelha!! percebi em que havia me metido, pensei comigo mesmo: Uma casa custa 300 mil  em meu  bairro e  mesmo que seja financiada em 35 anos!! Naquela altura do campeonato o banco exigiria emprego com remuneração de 4 mil mensais comprovadas em carteira, pensei comigo mesmo como seria ter um carro, até aquela determinada altura em minha vida nem havia tirado "Habilitação" por falta de dinheiro, neste exato momento fiz as contas de cabeça, percebendo que para comprar um carro porcaria gastaria mais de 30 mil a vista e mais 30 mil em juros, também percebi que para manter este carro  eu teria um gasto de no mínimo 8 mil ao ano com seguro , impostos, manutenção e gasolina.

    Comecei a fazer cálculos de tudo desde manutenção de uma casa , carro , comida moradia, bons instrumentos, academia, suplementos e qualidade de vida em geral " A conclusão se revelou aterrorizante, mesmo para manter um estilo de vida básico e frugal teria que ganhar acima da média dos assalariados brasileiros as opções eram bem restritas já que  faculdade estava fora de cogitação, falta de dinheiro e tempo.
Outra variável que pesava naquela época foi o  declínio dos salários dos formados em  UNI ESQUINA vários amigos formados ganhando salários ridículos.
                                                             Expectativa 

                                           
                                               Realidade no mercado de trabalho.


   A conclusão foi eminente teria que fazer algo realmente radical para mudar minha vida, mas afinal o que? : A primeira conclusão que cheguei foi que precisaria juntar uma quantia astronômica de dinheiro e aplicar em alguma fonte de renda passiva.
   Como não conhecia porra nenhuma do mercado financeiro decidi que por hora arrumaria um emprego qualquer e juntaria todo dinheiro possível até os centavos, teria de ser algo radical uma vacina para erradicar a miséria de uma vez por todas.

  A segunda conclusão que cheguei, teria de ser algo extremamente "radical" , todas simulações apontavam para um patrimônio pífio e a necessidade de radicalismo.
 Sai no mercado de trabalho  procurando qualquer porcaria para trabalhar, cheguei a andar cerca de duas horas a pé para ir em uma entrevista,  para economizar alguns trocados e mais duas horas para voltar até minha casa.

Depois de me sujeitar em empregos realmente ridículos eis que surge mais um emprego temporário e ridículo em minha vida,  não poderia escolher nada dada baixa qualificação e falta de registro em carteira, pois bem arrumei um emprego temporária de vendedor de cartões em uma grande rede de mercado.

Um perfeito lixão  nunca tinha trabalhado na área de vendas e não tinha perfil algum para vendas, personalidade introvertida trabalhando com vendas!!! Literalmente taquei o foda-se, pois a agua estava batendo na bunda e precisaria começar  a correr atrás do sucesso.

 Acreditem se quiser: para chegar até o serviço pegava 2 conduções  e ainda andaria 15 minutos, adivinha o que fiz para economizar dinheiro? comecei a andar a pé  todo dia  para economizar VT, meu salário somado ao VT girava em torno de  700,00 Reais " escravidão pura". 

 Comecei a andar todo dia 1 hora" pegava uma condução para ir e outra condução para voltar, andava uma hora para ir e outra para voltar, deste modo economizei 2 conduções  ao dia.

 Dois meses  e meio depois estava firme e forte odiando aquele emprego , mas foda-se consegui ficar naquele ócio  2 meses e meio e juntar 2 mil reais!! uma baita grana para quem estava literalmente fodido, "deixei tudo rendendo juros na "poupa lixo".


    E de tanto andar a pé  por mais de 2 horas ao dia, inclusive houve dias que não havia ônibus para voltar, nesses dias  cheguei a andar  3 horas e foram diversas as vezes que isso aconteceu;  devido a isto economizei mais alguns trocados e perdi toda minha massa magra...  Havia   conseguido alguns músculos em uma academia improvisada em minha residência, treinava fazia alguns anos com alguns aparelhos improvisados e halteres que  ganhei de minha mãe, coisa básica!! Mas como eu só estudava e treinava consegui adquirir um bom condicionamento físico " Perdi todo meu físico e uns 3 quilos de Massa magra ao final deste período"
                           
                             O Retorno ao trabalho 2 " Vidraceiro por  necessidade"

      Depois de trabalhar com vendas temporariamente fiquei em casa desempregado  procurando qualquer coisa durante 2 meses!! Até que minha tia ligou oferecendo uma vaga de ajudante na vidraçaria que ela é dona!! Já tinha experiência em trabalhar com parentes e sabia como a banda tocava, "experiência é tudo" aceitei prontamente , porem  havia montado um audacioso plano de ficar tempo suficiente  neste serviço com salário inicial "700,00" Reais enquanto estudava um meio de conseguir levanta capital , pois bem resolvi me matar mesmo sabendo que estava retornando para um sub emprego em uma empresa pequena...não sou ingrato agradeci a oportunidade!! Porem desta vez ninguém me faria de otário pelo contrario quem ia dar as cartas desta vez seria eu.

Trabalhei duramente e vesti a camisa da firma com gosto e afinco, fazia extras e varias funções que ninguém tinha coragem de fazer sem esperar nada em troca e ao mesmo tempo comecei a jogar todo meu salário para "poupa lixo" Toda mesmo não sobrava um centavo.
Minha mãe mantinha a casa enquanto eu  guardava todo salário!!
  Me fodi literalmente " Trabalho  pesado e perigoso" quem trabalhou com construção civil sabe que o trabalho é perigoso!!

 Treinava em minha academia improvisada" Estava bem condicionado novamente" a rotina sempre foi assim saia do serviço chegava em casa comia um lanche anabólico e ia para minha academia improvisada, se sobra-se tempo ia fazer uma caminhada para tirar o stress do corpo e da mente e depois voltava para casa tomava um banho e ia ler e estudar alguma coisa.
  No começo a coisa estava indo bem até começar entrar serviço perigoso e pesado "coisa bruta" como ajudante carreguei vidros grandes e pesados, 2 tipos de vidros comum um vidro muito fino e vagabundo bem perigoso por sinal!! vidro comum é usado nessas janelas antigas, Vidro temperado usado em box, sacada de prédios, janelas , portas de agências bancarias entre outros coisas.

  Logo começou a pressão para fazer noites em shoppings e prédios corporativos de grandes empresas, não deu outra empresa pequena com pouco funcionarias, lá estava eu se matando fazendo noites para ganhar 50 reais, OBS ainda ia trabalhar no dia seguinte depois do meio dia.
   Me tornei profissional rapidamente e fiz boas amizades na empresa , mas  sabia que os conselhos de peões devemos ignorar, já havia passado por tudo isso anteriormente estava habituado com armadilhas da Matrix  estudei e melhorei meu  desempenho no serviço, enquanto isso continuei jogando dinheiro para "poupa lixo"

   Havia entrado na empresa em maio de 2012 com saldo de R$ 2.000,00 mil reais, em agosto estava cansado ,acabado e estressado, porem estava com  foco e determinação em busca de meu objetivo.

  Nesta altura de minha vida "  Mantive contato pela internet ao longo de  5 anos com minha atual esposa citada no post anterior" Uma mulher de fibra que se aventurou pelo mundo da música , diferentemente de minha persona ela havia se formado em Letras e dava aulas de inglês em uma escola particular obtendo bacharel em letras ao 22 anos de idade, logo depois de se formar  saiu de sua cidade no interior do estado e foi tentar carreira na cidade grande: O plano inicial era se formar em canto e ter aulas com profissionais do meio acadêmico ingressando na faculdade de belas artes, infelizmente ela não conseguiu!

   Para quem não sabe letras também é uma faculdade com foco em humanas com pouco ou nenhum reconhecimento, minha esposa  passou muita dificuldade morando em pensões e o que ganhava mal dava para sobreviver, assim como eu ela havia passado muita dificuldade para manter seu sonho vivo.

  Havia uma paixão em comum entre nossas personas relacionadas ao universo das Artes&Música, porem enfrentávamos dificuldades similares em nossas carreiras, durante  5 anos sempre quis conhecer ela pessoalmente mas ela morava em outra estado isso seria fora da minha realidade financeira!!

   O nosso relacionamento durante 5 anos se resumiu a uma  troca de  informação sempre aliado aos  estudos maçantes de teoria musical.
  Nesses 5 anos adquiri um conhecimento acima da média devido ao meu talento natural e constante prática no instrumento, sempre  acreditei que  dentre 2 ou 3 anos de estudos me tornaria um  "Pianista profissional".

  Fatos e decepções!! para manter meu sonho estruturei um plano audacioso para ganhar o máximo de dinheiro mantendo ao  menos alguma dignidade na vida.
   O plano consistia em adquirir fontes de renda passiva para conseguir se dedicar ao instrumento em tempo integral sem precisar recorrer a prostituição no mercado de trabalho, infelizmente passei muito tempo correndo atrás de uma profissão pouco reconhecida.
 A vacina teria de ser radical e foi o que aconteceu , quando se acorda na Matrix aos 45 do segundo tempo não há escolha!
   Estipulei  metas e valores :Teria que  juntar todo meu salário e benefícios durante 5 anos de minha vida para conseguir uma quantia razoável, apenas o suficiente para manter dignidade e um nível básico.
   Me foquei nesse objetivo largando tudo que fazia para conseguir me manter vivo no mercado de trabalho.
                                                   Desenvolvimento financeiro!!

  Depois de 5 meses de trabalho pesados resolvi pegar algum dinheiro que havia sobrado em minha economias,  suficiente para viajar e conhecer minha esposa pessoalmente foi nesse contexto parecido com filme de romance da sessão da tarde que começamos a namorar. A rotina consistia em viajar 1 vez ano para ver ela enquanto ela viajava mais 1 para me ver.
 Abri o jogo com ela e falei que não chegaríamos a lugar algum se não houve-se quantias astronômicas em aplicações !!  Ela deveria  confiar  na minhas habilidades administrativas e seguir meu plano de investimentos a risca durante 5 anos.

 Ela sabia que não tínhamos nada e  precisaríamos trabalhar e juntar todas nossa economias para haver chance real de sucesso, ela não questionou pelo contrario ela já estava fazendo a mesma coisa que eu "guardando dinheiro"

 Passou um ano nesse "esquema'  trabalhando algumas  noites e fazendo algumas extras, para piorar o quadro a  empresa já havia me dado calotes em diversas extras e noites, já conhecia esse filme eu nem havia questionado!! Quando aceitei este emprego sabia que iria acontece exatamente isso, estava dentro de meu plano e da margem de frieza e aceitação.

 Comecei estudando finanças e economia nessa época adquirindo um vasto conhecimento de como funciona todo sistema bancário e monetário, neste momento caiu a ficha e percebi como eu fui inocente!! Quanto mais entendia todo funcionamento da Matrix se aprofundando em temas desconhecidos na cultura de massa, questões como crédito , debito, dívida pública, corporações  e cambio .

  Bateu um desespero!! com o tempo passando "me afastei da música" perdi o interesse  momentaneamente, pois a magia havia acabado quando tomei a  pílula vermelha, depois que percebi fragilidade do sistema monetário e toda merda de estrutura social, finalmente consegui validar meus pensamento a um nível macro.
   
                                                  Despertar da "Matrix"

    Ao final do primeiro ano consegui um montante de R$ 7.000,00 mil reais na poupança e minha esposa R$ 2.000,00 mil reais.
    Na metade do segundo ano  avancei meus estudos em economia e matemática financeira, já havia entendido toda base por de trás dos  investimentos, mas não havia tempo hábil para botar em prática,  estava trabalhando muito e mal sobrava tempo.
   Ao final do segundo ano consegui um montante R$ 18.000,00 mil reais e minha esposa com muita dificuldade pagando  aluguel e comida apenas 5 mil reais , neste ano viajei em férias para casa de minha sogra  expliquei toda situação e minha sogra muito comovida  resolveu nos ajudar enviando um segundo salário para mim , "receberia todo mês 1.000,00 reais"   ao   final do terceiro ano apenas com meu dinheiro  sem somar com o vale sogra consegui 32 mil reais e com alavancagem do vale sogra mais 10 mil reais, contabilizando um total  42 mil reais  em "poupa lixo"  minha esposa ficou na casa dos 10 mil.
                                
                                                       Historias de sobrevivência

     Aqui vou expor algumas experiência horríveis na construção civil: O primeiro fato ocorreu quando estávamos carregando um vidro enorme e pesado por volta de 120 quilos em 3 pessoas e como sempre  fui um dos escolhidos, pois bem o vidro deveria se levado ao segundo andar, primeiro teríamos que andar com o vidro durante 50 metros na mão em linha reta e depois subir 2 lances de escadas por volta de 10 metros de altura levando o vidro até o para peito do segundo andar, considerações:  Total de 8 peças grandes com medidas de 2,600 de largura por 2,000 de altura.

   O primeiro foi levado com muita dificuldade e a coisa só piorou!! nas viagens seguintes estávamos fraquejando, descansávamos duas  2 ou 3 vezes pelo caminho, depois de levar a quinta peça até a parte superior  descansamos um pouco, naquela parte  havia diversos peões de obra trabalhando! Quando de repente ouvimos um barulho infernal, algo similar a um estalo pesado e logo seguida um estrondo violento !!
   Quando nos demos contas que o barulho vinha da região da escada  avistamos um monte de madeira caída e dois  peões gritando socorro, havia monte de sarrafos e caibros de madeiras pesados  em voltas e alguns estilhaços de concreto na escada, pois bem havíamos passado naquela escada apenas alguns segundos atrás aonde os peões caíram com andaime e tudo, invariavelmente morreríamos com uma  paulada do caibros na cabeça e para piorar toda questão o  vidro cairia por cima de nosso corpo.
  Naquele momento bateu um cala frio, comecei a raciocinar  e me questionar do porque estar ali, "eu não sirvo para esta vida!!"

    Outra saga ocorreu alguns meses depois ,  estávamos  carregando 15 peças por volta do mesmo padrão anterior em uma equipe de 15 pessoas:  carregamos todas peças do térreo até o 17 andar.
    Cada equipe carregava durante 3 lances de escada, iniciamos por volta das 10 horas da noite e fomos terminar  por volta das 2:00 horas da  madrugada meu corpo ficou dolorido por uma semana inteira.

    Saga final: Em outra ocasião fomos instalar um vidro de 10 mm com altura de 5 metros e largura de 2,20 pesando 230 quilos em apenas 6 pessoas, pois bem  não aguentamos levar o vidro  , isso porque íamos andar apenas 7 metros com o vidro até a parte da instalação!!  No meio do caminho enrosquei minha mão em uma muda de arvore ralei  todos meus dedos e quase soltei do vidro que estava segurando  , depois disso deixamos o vidro no chão  e ligamos na empresa solicitando mais peões ,  não havia possibilidade de instalar aquele vidro!! solicitamos mais 6 peões fortes e robustos, chegamos na obra meio dia e fomos terminar a instalação 10 noite com o vidro quase estourando e caindo em nossas cabeças.


     Naquela altura do campeonato havia completado dois anos e oito meses de batalha, resolvi por encerrar minha saga na construção civil a favor de minha saúde física e mental, me mudando definitivamente para o estado em que minha esposa  reside atualmente,alugamos  uma kit net e dividimos despesas  , juntei toda grana que consegui nesses quase 3 anos de planos e fiz um acordo na firma para  que me manda-se embora recebendo todos benefícios, consegui ao final do beneficiários quantia de 10.000,00  mil reais  em benefícios tonalizando R$ 57.000,00 mil reais na poupa lixo e ao final do período minha esposa havia juntando R$ 20.000,00 mil , minha sogra havia se comprometido em enviar mais 1500,00 para aplicações todo mês.

   Larguei toda minha vida eu fui morar em outro estado!! agora surge a duvida porque não apliquei  em TD ou LCI , pois bem eu sabia da  existência destes investimentos , mas não havia tempo suficiente para estudar quando e como aplicar tais quantias em quais títulos,entenda que eu era um escravo assalariado, resolvi juntar uma quantia simbólica na poupa lixo esperar minhas férias abrir uma conta na corretora etc e aplicar  recursos em TD ou LCI, mas antes de minhas férias  resolvi cair fora do emprego não aguentava mais.

   Ao final de minha mudança passei  quatro meses  correndo atrás de burocracia e documentação, mudar de estado não é nada fácil!!  Passei este tempo estudando investimentos, abri conta em 2 corretoras e depois de 6 meses aqui estou ,  muita coisa mudou para melhor!! minha esposa foi promovida, consegui reduzir gastos com dinheiro que ela pagava no antigo  apartamento 1200,00 consegui reduzir para 800,00 minha sogra envia 1,500,00 para aplicações todos Mês,  recebi PIS Abono seguro desemprego  e nesse meio tempo estruturei um sistema de gerenciamento e frugalidade conseguindo aportes me média de 2500 ao Mês e alguns meses chegando a mais de 3000 mil.

     Sobrou tempo para estudar!! passei meses estudando diversos tipos de investimentos e construindo planilhas para gerenciamento, criando planilhas com indicadores economicos monitorando automaticamente toda economia, iniciei minha saga em TD ,FII e brevemente em ações, me qualifiquei lendo diversos livros e artigos sobre investimento em apenas 6 meses!!
   Estou em vias de automatizar todas minhas planilhas terminando assim meu sistema gerenciamento nas próximas semanas.
 Meu patrimônio se encontra na casa dos 80 mil reais podendo chegar aos 100 mil ao final deste ano!!

              E Assim termina a Saga de um "Ex operário" e começa a saga de um novo investidor!!



  

quarta-feira, 10 de junho de 2015

Memórias de um "ex Operário Parte 2" Perdido na selva.

Memórias de um " Ex operário Parte 2

    Como havia postado anteriormente inicie na corrida dos ratos aos 16 anos de idade trabalhando como metalúrgico em uma fábrica de pequeno porte e aos 20 anos pedi demissão,  como não poderia deixar  de ser até aquele momento sai com uma mão na frente e outra atrás, apenas com uma quantia irrisória de R$ 2 mil reais em valores da época  sem registro em carteira, um perfeito atestado de fracasso com exatos 3 anos de minha vida jogados no lixo.

     O mercado de trabalho não perdoa excessos!! ele é proibitivo e punitivo no que diz respeito a falta de experiência profissional, como eu não havia feito outra coisa se não adquirir habilidade de uma profissão que estava em decadência dada automação industrial, iniciei na corrida do ratos do ponto de partida ao qual já havia estado anteriormente.
     
                                                                "O escapismo"

  Até aquele determinado momento minha persona não havia adquirido muitas habilidades se não dentro da indústria então resolvi inicialmente desenvolver habilidades no campo da informática , peguei parte do dinheiro que havia ganho alguma quantia de minha "mãe" funcionaria pública com cargo de baixo escalão e iniciei meu estudos,  como estava desempregado sobrou tempo para estudar todos os dias, iniciei com digitação e office logo depois migrei para montagem e manutenção de micro computadores e web design.
  
   Toda parte de informática básica dominei em um período entre 3 e 6 meses, havia tempo de sobra para estudar todos os dias, porem na área de web design não senti atração alguma, inicie o curso e depois de 1 ano vim a desistir, pois aquela parte de "Design"  não me agradava gostava mais de trabalhar com exatas e programação.
   
   Junto com aquela fase de intensos estudos havia tempo para se dedicar em outras áreas que deixei largadas em minha vida já que no período anterior tudo que fiz foi trabalhar como um escravo, inclusive aos finais de semana.

Iniciei  meus estudos em música !! naquela época  já havia formando uma banda com um amigo" imagine tal cena  2 desempregados sem perspectivas futuras iniciando no mundo da música", iniciamos ao violão ele se desenvolveu rapidamente eu percebi que violão não era minha praia e resolvi migrar para teclado e logo em seguida para piano devido ao melhor embasamento técnico.

    Foi neste contexto que descobri minha habilidade acima da média!! Havia me  desenvolvido nesse instrumento muito rapidamente, mais rápido que qualquer pessoa que eu havia conhecido, com apenas 1 ano já estava a tocar músicas realmente difíceis e já havia entendido toda parte teórica inicial como escalas e notação musical, sem contar o fato que de ser obcecado por estudos.
    Estudei horas a fio para desenvolver minha habilidades e fiz uso da  internet iniciando buscas em fóruns da internet com varias dicas apostilas e macetes e foi neste contexto que aprendi boa parte do que sei até hoje.
     
    Depois de passar  3 anos de minha vida só enriquecendo terceiros  havia percebido que tinha aproveitado muito mal minha habilidades e poderia com toda certeza se tornar um músico profissional, só precisaria de tempo para estudo e bons instrumentos, neste quesito começa toda dificuldade pois treinava e um teclado meia boca que minha mãe havia comprado há alguns anos , pois bem neste teclado básico  "havia apenas 4 oitavas" e  muitos dos arranjos, músicas de meu repertório só poderiam ser executados em um teclado de 7 oitavas com teclas pesadas e sintéticas de piano: Para quem não tem muita intimidade com o mundo da música " tais teclados são conhecidos como workstations ou estação de trabalho e o preço destes instrumentos é extremamente elevado:  
Características do instrumento.

1: 7 Oitavas, Teclas com Hammer action ou ação de martelo usada para simular um martelo de um piano acústico.

Resumo da obra "preço de Mercado" Atual:19.000,00 até 20.000,00
Preço de um bom workstation na época 10.000,00 até 15.000,00
Set para instrumentistas semi profissionais Gastos mínimo exigido : 4.000,00 até 10.000,00
Sete para músicos profissionais, mais de 20.000,00 reais.
                                                             Volta ao mercado 

       Depois de descobrir tardiamente minha vocação de Tecladista&Pianista passei a procurar qualquer emprego para levantar o capital exigido para iniciar meu primeiro set semi profissional, até que um belo dia um conhecido de minha persona havia acabado de abrir uma loja de roupas e precisava de alguém de confiança para operar o caixa, não deu outras lá estava eu contratado para ganhar R$ :528,00 reais  e  todo feliz por conseguir meu primeiro emprego registrado que me levaria a conseguir levantar capital necessário para meu primeiro set,trabalhei naquela loja das 10:00 até as  18:00 horas  depois do primeiro mês eu estava realmente animado e resolvi terminar o ultimo ano do colegial ao qual havia repetido , pois bem fiz a matricula para escola no segundo semestre.

          Minha rotina ficou divida entre trabalho, estudo musicais e escola no período noturno, no termino dos primeiros meses guardava todo salário que ganhava para comprar a vista meu primeiro set.
          A música abriu muitas oportunidades principalmente de networking, pois saia frequentemente para conhecer todo tipo de pessoas envolvidas com a cena , cantoras , guitarristas e instrumentistas dos mais variados gêneros, embora eu fica-se no  to tripé do teclado : Música erudita , eletrônica, rock e heavy metal gêneros com repertórios mais densos e desenvolvidos para Teclado&Piano.
        
         A loja não estava indo bem e para piorar fomos assaltados 2 vezes.. já na escola eu tirei notas realmente altas e consegui ao final daquele semestre terminar o colegial e receber um certificado de melhor aluno da escola. " Tirei A em todas as provas e matérias".

         A boa música havia modificado meu modo de pensar , lia artigos científicos estudava composições complexas e analisava todo contexto matemático por de trás das partituras, foi nesse momento que aprendi o poder que a "Arte" pode agregar para a vida de uma pessoa, pois ela modifica o ser humano de dentro para fora.
  
       Não é a toa que família abastadas tradicionais  antigamente eram fascinadas  pela arte, pois a arte eleva o pensamento e capacidade plena do indivíduo em todos os campos de sua vida, pessoas bem sucedidas tem um conhecimento enraizada nestes preceitos da arte.

     Depois de terminar o colegial aquela loja que trabalhei veio a fechar suas portas e nesse contexto fui demitido, porem com o dinheiro que guardei e o que  ganhei na rescisão havia sido o  suficiente para montar meu primeiro set e começar com aulas de piano erudito profissional, durante 1 ano e meio minha vida foi estudo das 8 da manhã até as 17:00 da tarde.
      
   Me mantive no modo "Zumbi" com o dinheiro que havia juntado, logo depois arrumei um emprego temporário no senso do  "IBGE" no ano de 2010 nessa altura do campeonato meu repertório era denso e já começava a planear um segundo set de instrumentos para excursionar com minha  banda e havia começado a compor minhas primeiras músicas , inclusive alguns  improvisos que fiz com um grande amigo meu "profissional da guitarra" havia  alcançado a  marca de 40 mil views no YouTube.

  Aquela vida estava me matando, estava bem fazia o que gostava mas era um fodido!! não namorava e morava na casa da mãe aos 24 anos de idade com poucas perceptivas de se tonar um música profissional algumas  vezes saindo  para baladas para fazer contatos e me lançar na cena.

    Não deu outra,  quando  percebi que para competir no meio dos músicos profissionais eu precisaria de mais do que talento: O talento é a base essencial quanto pessoas talentosas vocês conhecem que não tiveram chances alguma nesse mundo!!

    O Talento não basta é preciso oportunidade aliado ao investimento, grandes instrumentistas tem suporte financeiro  todo tipo de bolsa e ajuda de custo para se manter estudando 6 até 8 horas ao dia.
   
 Custos com estúdio, gravações e instrumentos no Brasil  são demasiadamente caros!!
 Foi exatamente neste quesito que me transformei  em uma pessoa fodida  financeiramente , pois tudo que ganhava investia, porem o retorno sempre foi abaixo do ideal.
      Costumava ouvir que precisa tocar algo comercial , mas isso é maior falácia que alguém pode falar!! tais falácias vem de pessoas que desconhecem a realidade musical.
     Para cada "figura" que faz sucesso mesmo sem habilidade ou talento algum,existem milhões tentando se promover usando a mesma tática.
 Para cada um que chega ao sucesso "existe milhões que vão ficar no anonimato" fama não é para qualquer pessoa, muitas vezes fama não é sinônimo de talento eu diria quase sempre principalmente no "cuzil".   
   
 Para se manter na música como forma de sustento e profissão sem ser um destes pontos fora da curva existe algumas possibilidades: se manter como instrumentista seja dando aulas ou escrevendo arranjos para  músicos menos qualificados.
  O outro modo é o preferido da manada: "Fazer sucesso com uma banda" caminho que todo mundo almeja , mas que poucos conseguem.
   
Nesse meio tempo conheci diversas pessoas inclusive minha esposa que era cantora lírica  em um coral semi profissional de outro estado , mantive contato com ela durante 5 anos de minha vida pela internet, pois ela morava em outra estado e eu sabia que uma voz daquela e um talento daquele séria uma boa oportunidade de projeto futuros.

  Outras dificuldade que encontrei para  competir de igual para igual no mercado formal,  precisava melhorar meu set , pois o que tinha já não dava conta eu precisava de algo profissional para gravar músicas etc, porem como todo mundo sabe o custo é terrível no "cuzil" para instrumentistas fodidos financeiramente, pois bem cheguei aos 26 anos sem emprego formal apenas fazendo bicos em emprego temporários com R$ 0,00 reais em minha conta, embora eu toca-se música escabrosas isso pouco importava para o público pão e circo.

                                                  Músicas do meu repertório 
                                                    chopin etude op 25 no 12


                                                     Dream Theater
                                              The Dance of Eternity

                                                Silent Hill Theme Piano



                   Continuação em Memórias de um " ex Operário Parte 3 " Redenção.




quinta-feira, 4 de junho de 2015

Memórias de um ex "Operário" Lições de vida Parte 1"


 Memórias de um ex "Operário" Lições de vida Parte 1"



       Nesse poste vou tratar de um assunto delicado " Dificuldades em minha carreira inicialmente alguma lições de como desenvolvi meu raciocino lógico e financeiro para acender como investidor recém formado na escola da vida.


                                                       Parte 1 "O inicio"

  Adolescente em inicio de carreira  sem experiência  no mercado de trabalho formal  cursando  segundo grau, eis que resolvi começa a trabalhar em meados de  16 para 17 anos de idade, filho de classe média com um padrão de vida muito baixo fui convidado a obter meu primeiro emprego o contratante era meu  tio  que havia começado uma empresa de metalurgia, como não tinha experiência alguma e precisava de dinheiro topei.

   Inicialmente comecei com um cargo baixo "ajudante geral"  e fui evoluindo até "operador de maquina" conhecido como "meia oficial", pois bem  empresa  pequena uma perfeita boca de porco e foi  neste ambiente  que desenvolvi minhas primeiras habilidades  na vida profissional.

                                                  Desenvolvimento

    Depois de algum tempo desenvolvi habilidades  interessantes , porem aquela empresa não tinha grandes recursos e foi preciso muito improviso e força de vontade para operar com um maquinário do século passado e ferramentas de baixa qualidade.


                                                         Rotina


  Serviço  pesado  maquinas imundas um misto de graxa com óleo de maquina , acordava  "06:00" horas entrava as "7:00" almoça por volta de "12:00"  e voltava as  "13:00" o final do expediente se dava as "17:30" voltava para casa  até "17:50" se trocava e ia para escola as "19:00" chegava em casa as "11:00".

    A rotina  se repetiu por 2 anos todo santo dia aos finais de semana  entrava as "08:00" até "12:00" almoçava até as "13:00" e voltava a trabalhar até as "16:00", "Resumo da obra um perfeito escravo adolescente".

                                                     Esperança


 O que mantinha  meu espírito aceso e animado sempre foi uma remota  possibilidade de crescimento da empresa e possível promoções  que alcançaria por minha habilidade profissional e força de vontade.

  Pensava que por se tratar de uma empresa familiar eu conseguiria reconhecimento e crescimento profissional ganhando dinheiro suficiente para elevar o patamar da  empresa para um nível de porte médio, me agarrei naquela possibilidade.

  O salário inicialmente "200" reais sem registro em carteira  naquela época eu não tinha noção alguma de dinheiro só pensava em ser reconhecido profissionalmente pelas minha habilidades "um perfeito escravo".

 Me desenvolvi naquela ambiente sempre buscando melhorar minhas habilidades, metalurgia sempre foi uma área perigosa  inclusive já me machuquei seriamente quase perdi um dedo, depois de alguns meses desenvolvi  habilidades essenciais para sobreviver naquele meio , mas a rotina me sugava toda energia  estava cansado, stressado e acabado e nem se dava conta que minha rotina sempre foi humanamente sangrenta.

                                                       Ganância


  Meu tio sempre dava indiretas para fazer extras,  como eu não  tinha experiência me sentia na obrigação de tentar ajudar aquela empresa a crescer, muitas vezes fui trabalhar  aos domingos inclusive já  trabalhei 3 meses seguidos de domingo até domingo.
 
   A escravidão começou a rolar  e a empresa cada vez aumentando mais sua margem de lucro em cima da chibata , meu salário havia aumentado para míseros 400,00 reais digno de pena,  já  executava  um serviço de profissional com um piso médio de R$  1500,00  em empresas de porte médio, entendia que uma empresa pequena não teria condições de bancar uma salário de R$ 1500,00  mas acreditava que ao menos R$ 1000,00 seria questão de dignidade.

                                                         Medo


   "Eu fui um perfeito bundão" não conseguia dizer não e fazia tudo que meu tio pedia!!  cada vez ele lucrava mais.

   Estava com mais serviços me atolando em "stress" dificuldades responsabilidades absurdas "cálculos matemáticos de centésimos"  um erro e perderia 5 mil em material, acredite uma pressão absurda na mão de um adolescente.

 Comecei a ficar stressado e com cada vez mais responsabilidades meu salário não dava para nada!!
 Ainda em uma fase adolescente e com  aquela ânsia de pobre mendigo, sempre que  ia ao shopping  gastava tudo em roupas ou baladas para tentar impressionar algumas adolescente da escola ou no bairro onde morava.

                                                            Ódio


  Não adiantou muito e fiquei cada vez mais stressado e com ódio, aquele sentimento me dominava! meu tio estava lucrando horrores eu estava lá trabalhando feito uma mula, meu boletim na escola estava piorando cada vez mais.

   Aquela  empresa começou a crescer vertiginosamente  naquele momento batia uma  esperança em minha alma esperando algum reconhecimento, pensava comigo mesmo "acho que ainda não estou  a altura" e me esforçava para aprender cada vez mais, uma responsabilidade insana.

  Em meados  do segundo ano na empresa,  iniciou-se o período noturno este período levantaria um belo capital de giro para empresa  , pois bem fui escalado  ficava muitas vezes com mais 2 piões fazendo  serviço pesado noturno.


                                         Crescimento da empresa 



   A  empresa cresceu absurdamente, mais maquinas e mais ferramentas houve uma melhora significativa nas condições de trabalho , mas ainda não foi o suficiente.
   Por outro lado  eu  estava cada vez mais atolado em responsabilidades junto aos outros funcionários.


                                                    Repetência


  Nesta época comecei a faltar na escola ao menos uma vez toda semana,  tentava frequentemente recorrer ao escapismo  "o que ganha gastava não sobrava nada",  o que  já era uma miséria ia sendo jogado por água a baixo  com  baladas roupinhas etc "coisa de idiota" queria tirar aquele peso de minhas costas , pensava frequentemente "trabalho tanto" " este dinheiro é  para me divertir" típico pensamento de pião que sempre recorri ao escapismo para fugir da realidade.

 Ao final naquele ano repeti na escola por faltas e acabei por largar a escola  ficando  só no trabalho, pensava que agora haveria tempo para me dedicar ao descanso, pois bem  não adiantou!! agora  estava trabalhando até 20:00 ou 22:00 da noite fazendo extras e ainda com aquela  velha esperança de reconhecimento.

                                                         Covardia


 Minha  mente estava tão pressionada  que trabalhei varias dias de graça , tinha medo de ser mandado embora e não falava nada, mas no fundo eu sabia que estava sendo roubado nas extras.

    Me revoltei , principalmente quando fui pedir um aumento  e meu tio  não deu!  no mês seguinte ele comprou um carro a vista para meu primo" resumo da obra: meu primo havia completado 18 anos e já tinha ganhando um carro 0 KM  avaliado em mais de 20 mil enquanto  eu não poderia ter um aumento  miserável.


                                                            Revolta


 Aquilo me revoltou imensamente, fui fazendo planos de como cairia fora naquela profissão peguei nojo ódio raiva!! não queria mais trabalhar com metalurgia e resolvi começar estudar informática, guardei  todo dinheiro que tinha e fui me desenvolvendo aos poucos, meses depois montei meu primeiro computador.

                                                       Qualidade de vida


  Meu corpo estava acabado magro feito uma ripa e com olheiras cansado e estressado, estava em meados de 18 para 19 sem perceptiva de futuro algum  e sem registro em carteira ..  sempre quis algo melhor para minha persona, infelizmente eu não tinha desenvolvido  habilidades em outras áreas e avia largado o colegial " uma escolha que se revelou digno de uma Anta".

                                                          Conhecimento


  Quando obtive acesso para internet mesmo que discada,  aquele conhecimento abriu uma possibilidade imensa em minha vida, pois bem fui estudando e resolvi pagar um curso de informática de web design juntei uma grana e  parei de sair para baladas  ficando em  casa sempre que podia.

  Naquela época outro vício me dominou "jogos online" , ficava até altas horas madrugada a dentro jogando RPG dormindo tarde  e logo depois acordava cedo para ir trabalhar no dia seguinte.


                                                                    Adeus


   Passei quase um ano juntando dinheiro, jogando e estudando pela web... 
Um belo dia muito stressado discuti com meu tio e pedi demissão!! estava encerrado ali meu ciclo de escravidão.
  A situação havia chegado ao limite estava calamitosa, completaria 20 anos e não havia feito porra nenhuma da vida!! a não ser trabalhar e enriquecer meu tio, pois bem já havia passado da hora de tomar as rédeas e criar  meu próprio futuro, naquela época meu tio estava rico: 1 casa na praia um apartamento de luxo avaliado em mais de 1 milhão de reais  no centro  da cidade  e outro apartamento avaliado em  300 mil no subúrbio, 3 carros 0km um para cada filho e  uma empresa lucrando cada vez mais.
  

         A jornada continuara até os 29 anos de idade!!
               Aguardem em memorias de um ex Operário Parte 2 ....